sábado, 8 de setembro de 2012

Depois do fim.

Não é o caso de custar ou não, mas sim de querer e não conseguir. Eu vou confessar, imaginei o final tantas e tantas vezes, cada promenor, cada palavra, movimento, tudo como sendo as últimas recordações de um nós que iria acabar... sim, eu chorava ao pensar isso, o medo era tanto...não calculas sequer. Agora, acabou...e eu, estou...nem sei. Não vou dizer que não custa, mas também não dói tanto, se calhar já estava mentalizada do que iria acontecer, ou se calhar não... doeu, e ainda dói, mas apesar de eu ainda associar muitas das coisas que me rodeiam a ti, e de me lembrar de muitas expressões, risos, palavras, sei lá, de todos os momentos, de tudo...eu não consigo sentir aquela necessidade louca de estar contigo, que sentia antes, nem que fosse por míseros minutos separados... e isto me leva a pensar, que realmente as coisas mudaram, e que se calhar tens razão, eu mudei. Eu não queria magoar ninguém, e desejo-te tudo de bom, espero que um dia fiquemos amigos. Nunca me vou esquecer de ti.

24 comentários:

  1. óh meu amor, se não fosses tu, as coisas custariam o dobro :s
    e em relação a ti amor, tens de me explicar melhor toda esta situação :c

    ResponderEliminar
  2. mas fala comigo! queres o meu numero? :x

    ResponderEliminar
  3. Mas o amor não foi feito para o esquecimento. Podemos afastá-lo do coração e projetar o fim vezes diversas. Mas nunca esquecê-lo. Nem querendo.
    Abraços.

    ResponderEliminar
  4. adorei! tive pena foi de não ficar mais tempo, mas foi lindo! mas porquê? também foste?

    ResponderEliminar
  5. Só não consigo ser forte o tempo todo.
    Gostei da tua sinceridade neste texto. Nem todos temos de "quase morrer" de tristeza por um relacionamento acaba. Temos de ser fortes! Seguir em frente. Procurarmos a felicidade.

    ResponderEliminar
  6. Só não consigo ser forte o tempo todo.
    Gostei da tua sinceridade neste texto! Nem sempre precisamos de "quase morrer" de tristeza quando um relacionamento acaba. Temos de ser fortes. De seguir em frente. De procurarmos a nossa felicidade.

    ResponderEliminar
  7. é óbvio que passa. tudo passa. quando tás feliz, essa felicidade passa. quando tás triste, essa tristeza também passa. a vida é uma montanha russa (;

    ResponderEliminar
  8. não sabes o que perdeste! foi espetacular mesmo, espero que seja para repetir!! :) mas não és de braga, pois não?

    ResponderEliminar
  9. eu precisava de me mudar. aqui tenho imensas recordações e coisas que me fazem mal... mas perder os meus seguidores todos vai custar-me muito. não sei o que fazer. mas obrigada por ires comigo <3

    ResponderEliminar
  10. Antes de o fazermos parece sempre muito pior, mas acabamos sempre por nos habituar aos factos, e por ficar todos bem... :)

    ResponderEliminar
  11. Obrigadaaa ;$
    Parece que já pensavas que iam acabar já à muito tempoo :s

    ResponderEliminar
  12. Eu percebo, é normal que mais tarde ou mais cedo isso acontecesse :s

    ResponderEliminar
  13. Sabes? Impossivel é esquecer alguém que já faz parte de nós, como te compreendo.
    Beijinhos,
    Pensando com Arte.

    ResponderEliminar
  14. e como é que ele está a lidar com isso :s?

    ResponderEliminar